fundo

PROVOS – Amsterdã e o Nascimento da Contracultura

O movimento Provos surgiu em Amsterdã no início dos anos 1960 e marcou o início mundial da chamada Contracultura. Sua mistura de dadaísmo e anarco-comunismo, suas manifestações cheias de humor e seu sarcasmo contra as autoridades inauguraram novos formatos de ação política e, principalmente, de luta ecológica, dando nova dimensão à idéia de desobediência civil.

Os provos tiveram impacto decisivo nos acontecimentos dos anos 60, inspirando tanto o movimento hippie quanto os manifestantes de 1968. E transformaram Amsterdam na meca da juventude mundial.

O livro é ilustrado com fotos da época e desenhos de Willem, um dos fundadores do Charlie Hebdo.

Provos é o segundo livro da nova Coleção Baderna. O primeiro, que acaba de ser lançado, é A Revoado dos Galinhas Verdes.


Preço: R$ 39,90

  • Autor: Matteo Guarnaccia
  • 184 páginas
  • Coleção Baderna
  • 14 X 21 cm
  • ISBN: 9978-85-63137-32-6
  • Gênero: História/contracultura/cultura pop

NA IMPRENSA

“Pertencente à ótima coleção Baderna, o livro conta a trajetória de uma revolução cultural empreendida por jovens anarquistas que conseguiram vários feitos através de uma forma bastante original e criativa de protesto – a provocação.” Carlota Cafiero, Correio Popular