• Endereço: Rua Araújo, 124, 1º Andar, São Paulo
  • Tel.: +55 (11) 3211-1233
  • Horário: Seg. à Sex., das 9h às 19h.

Alan Moore nasceu no dia 18 de novembro de 1953, em um bairro operário de Northampton, Inglaterra. Seu pai trabalhava em uma cervejaria e sua mãe, em uma gráfica. Ainda adolescente, Moore criou seu próprio zine, onde publicava suas poesias e ensaios, e se envolveu com um grupo de vanguarda local. Também iniciou uma carreira fracassada como negociante de LSD e por causa disso foi expulso da escola. Trabalhou então como faxineiro e também em um curtume. Em 1973, depois de se casar com Phyllis Dixon, arrumou um emprego no escritório de uma companhia de gás. Mas em paralelo fazia desenhos e quadrinhos para publicações alternativas amadoras. O primeiro trabalho pago foram ilustrações publicadas pelo tabloide de música New Music Express. Nesse momento, Moore já havia largado o emprego no escritório e vivia de seguro desemprego (sem isso, talvez fosse obrigado a se refugiar em um “trabalho sério” e hoje não teríamos o Mago de Northampton, nem Do Inferno, Voz do Fogo, Watchmen, V de Vingança etc.).
No final dos anos 1970 já havia abandonado a ambição de ser desenhista e se dedicava apenas aos roteiros de sarcásticas HQs de ficção científica, na célebre revista 2000AD (onde surgiu o Judge Dredd). E foi por causa da 2000AD que Moore foi descoberto por um editor da DC Comics, que o convidou para escrever o gibi de um personagem já quase esquecido: o Monstro do Pântano.
O resto é história.
Dele, a Veneta publicou DO Inferno (2014), A Voz do Fogo (2013) e A Vida Secreta de Londres (2017), compilado que reúne contos e HQs de Moore e outros grandes autores britânicos.

Clique aqui
Olá, deixe sua mensagem em caso de dúvidas.

Nosso horário de atendimento é das 10:00 às 20:00.

Obrigado
Powered by